quinta-feira, 30 de julho de 2015

Novidade: Lançamento do meu livro de poesias.

Oi gente! Quanto tempo não venho por aqui! Mas hoje eu trouxe uma super novidade para vocês!

Algo super mega SONHADO, AGUARDADO e que ENFIM aconteceu!

PUBLIQUEI MEU PRIMEIRO LIVRO DE POESIAS!!

Isso mesmo! Tô super feliz e claro que não poderia deixar de vir aqui contar essa novidade pra você, querido leitor. O livro tem poesias inéditas e eu tenho certeza que você vai adorar!

Você pode comprar meu livro de qualquer lugar do Brasil, que ele será entregue perfeitinho na sua casa! É só clicar ->  Compre aqui meu livro de poesias exclusivo






Corre que jaja acaba!!


Beijos queridos! :* 
Nayran Mendes.

sexta-feira, 28 de março de 2014

Beatriz

Olha a menina moça
A menina que baila e canta
Olha como encanta
Será que é de louça?
Será que é louca?
Ou será que só interpreta um papel?
Que canta e vive no céu
Que anda querendo ser feliz
Beatriz!
Você que é tão feliz
Me diz o que te deixa assim
Me diz porque não fico assim
Me ensina a não andar com os pés no chão
Não quero viver em vão.
Me deixa ser feliz assim!
Viver como em uma cena sem fim.
Me deixa ser teu cenário
Eu fico quieto e não te dou trabalho
Ao fim vou aplaudir e pedir bis.
Assim prometo, Beatriz. 

Nayran Mendes.
(Texto Registrado. Mencione minha autoria)

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Angústia

Hoje eu acordei com vontade de te esquecer, de esquecer o que você foi pra mim, esquecer o que vivemos... Esquecer o que você representou em minha vida. (viu! já usei um verbo no passado) Ah, eu sei que vou conseguir apagar você de mim! Apagar as nossas conversas, o seu celular... Deletar, bloquear, ignorar e arrancar você do meu coração.

Perdão! Perdão se não esperei, mas é que quando acordei pensei que já era tempo. Tempo de pensar mais em mim, de não mais ‘pressentir’ um “sai de mim”, tempo de não mais esperar o telefone ser atendido ou tocar enfim... Tempo de entender que o tempo não para pra esperar, e que quanto mais ele passa mais se vê coisas que não fazem bem ao coração.
Talvez por isso que hoje eu acordei assim, querendo arrancar você de mim e confesso até pensei voltar a dormir, mas foi quando eu comecei pensar tudo outra vez e por fim me decidi.

Nayran Mendes.
(Texto Registrado. Mencione minha autoria)

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Contemplação


São nestes teus olhos que eu vejo o mar,
que eu perco o ar.
É este teu olhar que me faz voar
pra dentro do teu ser e querer descobrir o que guardas em ti.
Enigmas sem pistas
e frases sem começo ou fim.
Como eu queria poder navegar neste mar que contemplo ao te olhar.
Ah o teu olhar!
É no fundo destes olhos que eu quero me perder e ao te encontrar.

Nayran Mendes.
(Texto Registrado. Mencione minha autoria)

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Por mais que eu tente





 Chega! Por mais que eu tente não dá!
Não dá pra não abrir um sorriso ao te ver
Não dá pra o teu olhar esquecer
Simplesmente não dá!
O tempo pode até passar, parar, sei lá!
Mas a reação que eu sinto ao te vê vai ser sempre difícil de descrever
Não dá pra não pensar em você...
Pra esquecer...
Não dá pra passar por perto e fingir não te ver!
Não dá!
Eu simplesmente não sei esconder
É mais forte... E vem do profundo do meu ser.

Nayran Mendes.

(Texto Registrado. Mencione minha autoria)

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Game


Distraído, um pouco indiferente é como ele costuma ser.
Precipitado, talvez um dia deixe de ser.
É meio estranho tentar mudar,
acho que isso não muda
mas não custa tentar...
Sei lá!
A gente tem mania de querer ser herói e salvar o mundo
mas quem disse que o mundo quer se salvar?
A vida não é vídeo game, não dá pra o tempo todo ficar dando start, só porque perdeu uma fase
A vida passa, e se você não souber o que quer, ela vai passar do mesmo jeito... e ai baby game over!


Nayran Mendes. 
(Texto Registrado. Mencione minha autoria)